O Colégio Anglo Morumbi tem como um de seus pilares a “Inovação” e a Cultura Maker entra no campo pedagógico para desenvolver diversas competências que dialogam com esse pilar. O conceito Maker nasce a partir do movimento norte-americano DIY (Do it youself), mais conhecido aqui no Brasil como “faça você mesmo” ou “Mão na massa”, onde as pessoas começam a entender que conseguem produzir de forma autônoma algumas coisas e não apenas alimentar a mentalidade contemporânea de consumo.

Mas como isso entra na aula maker? Se estamos falando de autonomia, o que acontece em sala de aula é exatamente isso, o aluno é protagonista de sua aprendizagem e o professor entra como um mediador desse processo. Nas aulas maker os conceitos de metodologias ativas são postos em prática e junto com outras ferramentas que são ensinadas para os alunos, como o “Design Thinking”, as aulas vão acontecendo.

O que os alunos aprendem? Há 6 competências gerais que balizam todos os projetos: Resolução criativa de problemas / Letramento Tecnológico / Realização de Projeto / Autonomia / Empatia / Colaboração. Dentro de cada competência existem habilidades que são desenvolvidas dependendo do foco de cada aula.

Cada série tem duas temáticas norteadoras por ano, pois cada semestre é desenvolvido um projeto. Na primeira parte do semestre os alunos têm contato com referências relacionadas ao tema, além de aprenderem alguma tecnologia, para depois no decorrer do semestre eles construírem os projetos autorais.

Faça um Tour Virtual
por Nossa Escola

Estamos no Coração do Morumbi

Ícone de play Iniciar